Nextracker alcança o marco de 10 GW no mercado de geração de energia solar centralizada no Brasil

Share

A Nextracker ultrapassou o marco de 10 GW de usinas solares centralizadas com o uso de rastreadores inteligentes da marca no Brasil. O volume inclui tanto projetos em operação, quanto em desenvolvimento.

Alguns dos projetos fotovoltaicos com seguidores Nextracker são o complexo solar Janaúba, localizado no norte de Minas Gerais, considerado o maior do Brasil e um dos maiores da América Latina com 1,6 GW, o parque solar Sol do Serrado (MG); Hélio Valgas (MG); Mendubim (RN); Belmonte (PE); Boa Sorte (MG) e Pirapora (MG).

“Nosso ponto mais forte é a qualidade de nosso produto e a alta disponibilidade de nossos trackers. Além disso, nosso modelo de negócios, desde o início, privilegia a fabricação local, sendo credenciado no CFI do BNDES para financiamento pelo FINAME e outras linhas de crédito, que nos permitem escalar rapidamente para projetos de grande porte”, enfatiza o diretor sênior de Desenvolvimento de Negócios na Nextracker, Nelson Falcão.

A empresa atende a importantes clientes em múltiplos países, tanto geradores como autoprodutores de energia solar. “Essa atuação permite o relacionamento de longo prazo com grandes investidores e desenvolvedores globais e locais”, completa o executivo.

“Estamos orgulhosos de termos alcançado este marco no Brasil, que é um dos principais mercados de geração de energia solar do mundo. Continuamos investindo em pesquisa e inovação para continuarmos a oferecer rastreadores solares e soluções de software com o melhor desempenho para os nossos clientes”, disse o vice-presidente de vendas América Latina, Alejo Lopes.

Um levantamento da Associação Brasileira de Energia Fotovoltaica (Absolar) identificou que a geração de energia solar centralizada alcançou a marca de 13,4 GW de potência operacional no Brasil e acumula cerca de R$ 56 bilhões de investimentos no país.

Atenta a esse crescimento, a Nextracker investe continuamente em Pesquisa & Desenvolvimento (P&D). No Brasil, o Centro de Excelência Solar, localizado em Sorocaba (SP), é o primeiro espaço de P&D com o objetivo de exportar a tecnologia desenvolvida localmente para a aplicação em projetos globais. O local também funciona como treinamento de mão de obra especializada, com cursos práticos e multifucionais para trabalhadores do setor de energia renovável e empresas que atuam com parques solares. O laboratório realiza pesquisas sobre o ciclo de vida dos sistemas de rastreadores solares, visando o aumento da produção de energia solar. Desde a sua criação, em 2022, já foram patenteados mais de 500 projetos.

Atualmente com 38% do mercado brasileiro de rastreadores, a Nextracker ocupa a primeira posição no ranking divulgado pela Wood Mackenzie Power & Renewables. Há oito anos no Brasil, a empresa celebra uma nova conquista, o crescimento de 67% da equipe local só em 2024.

“Estamos nos adaptando e escalando nossas operações para atender às crescentes demandas e oportunidades do mercado. Nos últimos anos, elevamos nossos conhecimentos técnicos e ampliamos nossas competências em tecnologias de energia limpa por meio do nosso departamento de pesquisa e desenvolvimento, reforçando nosso compromisso em oferecer soluções mais eficientes e sustentáveis para manter a liderança técnica na indústria”, comenta o country manager para o Brasil, Henrique Rodrigues.

Desafios para o futuro

Atentos ao crescimento exponencial do mercado fotovoltaico, a empresa mantém o desenvolvimento contínuo dos produtos para atender às novas demandas do setor, como as tecnologias que se adaptam às mudanças bruscas de clima e, principalmente, a adaptação da tecnologia a terrenos irregulares. Ao entender que pisos planos estão cada vez mais escassos, novos projetos têm sido criados em locais com condições mais desafiadoras. A Nextracker oferece trackers inteligentes que se adaptam a estes terrenos.

Além disso, os trackers estão sendo desenhados para se adaptar a eventos climáticos extremos, como ventos mais fortes, granizo e até inundações em áreas de maior probabilidade.

 

Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não pode ser reutilizado. Se você deseja cooperar conosco e gostaria de reutilizar parte de nosso conteúdo, por favor entre em contato com: editors@pv-magazine.com.