Usinas solares habilitadas para emitir certificados de energia renovável já somam 3,6 GW

Share

O número de usinas solares certificadas para emitir o I-REC no Brasil chegou a 140, somando 3.683 MW de capacidade instalada, de acordo com os dados disponibilizados pela Evident, subisidiária do I-REC Services. Dessas usinas solares registradas no Brasil, 45 têm até 5 MW de capacidade instalada, somando 110 MW no total. Até março de 2023, a capacidade fotovoltaica habilitada a emitir I-RECs era 2.459 MW.

Cada I-REC equivale a 1 MWh de energia renovável produzida. Os certificados podem ser comercializados pelas geradoras para consumidores que pretendem atestar ou cumprir metas de sustentabilidade e diminuir ou neutralizar sua pegada de emissões de carbono. 

Em 2023, de acordo com o Instituto Totum, responsável pela certificação das usinas no Brasil, foram emitidos 1.760.836 I-REC de usinas solares no país, contra 894.795 I-RECs da fonte em 2022. Em 2024, até o momento, 23 usinas solares registraram a emissão de mais 167.937 I-RECs na plataforma da Evident.

Ao todo, contando com todas as fontes de energia, foram emitidos 37.826.964 certificados em 2023, sendo 21.258.069 da fonte hídrica.

Atualmente, o Brasil tem 71.862 MW de capacidade habilitada para emitir I-RECs, contra 53.595 MW até março de 2023. A maior parte, 56.631 MW, da fonte hídrica. Em seguida, aparece a fonte eólica, que habilitou uma potência total de 8.843 MW para emissão dos certificados. Solar segue com os já mencionados 3.683 MW, enquanto biomassa tem 2.702 MW habilitados.

Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não pode ser reutilizado. Se você deseja cooperar conosco e gostaria de reutilizar parte de nosso conteúdo, por favor entre em contato com: editors@pv-magazine.com.