BYD comercializa mais de 10 mil veículos 100% elétricos no Brasil

Share

A BYD, gigante chinesa com foco na produção de veículos elétricos e híbridos, consolidou a liderança do mercado de veículos eletrificados no Brasil em 2023. De acordo com dados da ABVE (Associação Brasileira de Veículos Elétricos), a empresa, que iniciará a produção local em uma fábrica na Bahia, vendeu 17.947 carros da marca no ano passado, um crescimento de 6.900%, ou o equivalente a quase 70 vezes, em comparação com as 260 unidades comercializadas em todo o ano de 2022.

Entre os veículos 100% elétricos, chamados de BEV (Battery Electric Vehicles ou Veículos Elétricos de Bateria), o Dolphin liderou com folga, com 5.971 unidades comercializadas no ano. No ranking dos 5 mais vendidos, o BYD Dolphin vendeu mais do que os outros quatro modelos somados (4.756 unidades). Se o recorte for entre os 10 mais vendidos, os modelos da BYD alcançaram um market share de 72%.

No top 5, a BYD ainda aparece com mais três modelos: BYD Yuan Plus (1.756), BYD Seal (1.040) e BYD Dolphin Plus (841). Entre os primeiros 10 carros do ranking anual, a BYD vendeu quase três vezes mais que as principais marcas no acumulado de 2023.

O Dolphin assumiu a liderança mensal de vendas em setembro e se consagrou pela quarta vez consecutiva como o carro elétrico mais vendido do Brasil em dezembro. A marca obteve um volume recorde de vendas, com 3.617 unidades no último mês do ano e uma participação de 60% no mercado (BEV), registrando crescimento de 72% sobre as vendas de novembro (2.099 unidades).

“O BYD Dolphin mudou a história do mercado automotivo brasileiro e logo se tornou um campeão de vendas. Isso porque é um modelo completo, eficiente e com uma ótima autonomia. O brasileiro mostrou que está preocupado com carros que não poluam. Para 2024, teremos ainda mais novidades que vão mexer novamente com o mercado”, afirma o presidente da BYD do Brasil, Tyler Li.

No acumulado de 2023, a BYD marcou mais um recorde nas vendas de veículos elétricos, com um total de 10.274 unidades, obtendo uma participação de 52,3% sobre o total de automóveis elétricos comercializados (19.310 veículos) no mercado brasileiro. O resultado se torna ainda mais expressivo ao se considerar que a venda dos modelos elétricos BYD (10.274 veículos) superou todos os outros modelos elétricos somados (9.036 unidades).

Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não pode ser reutilizado. Se você deseja cooperar conosco e gostaria de reutilizar parte de nosso conteúdo, por favor entre em contato com: editors@pv-magazine.com.