Desenvolvedora francesa constrói instalação agrivoltaica com sistema de irrigação

instalação agrovoltaica com sistema de irrigação

Share

Da pv magazine Global

A TSE, especialista francês em agrovoltaico, construiu uma usina agrovoltaica de 2,9 MW equipada com um sistema de irrigação destinado a melhorar a gestão da água em grandes culturas.

O sistema, implantado em três hectares em Brouchy, Hauts-de-France, deve proporcionar uma economia de água de quase 30%. Os sensores instalados no dossel permitem que o sistema otimize a irrigação, regando apenas quando necessário e fornecendo a quantidade adequada de água.

É equipado com rastreadores que podem girar os painéis solares, posicionados a uma altura de cinco metros, de leste a oeste. Esse equipamento gera sombreamento parcial e rotativo ao longo do dia, mitigando efetivamente o estresse térmico e hídrico, informou a TSE.

“No solo, as plantas sofreram particularmente com o estresse térmico e hídrico nos últimos anos, com fortes amplitudes térmicas e, especialmente, longos períodos sem água, o que impactou o crescimento e a produtividade da plantação, particularmente no trigo e na batata”, disse Benoît Bougler, agricultor local. “Estava à procura de soluções para me adaptar às mudanças climáticas e a agrovoltaica irrigada é uma das respostas possíveis”.

instalação agrovoltaica com sistema de irrigação
Image: Julien Bru Studio

Imagem: Julien Bru Studio

O Instituto Nacional de Pesquisa para Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente da França (INRAE) colaborará com a Bougler e a TSE para realizar testes agronômicos em várias culturas, incluindo soja, trigo, centeio forrageiro, cevada de inverno e colza, durante um período de nove anos. Esses ensaios envolverão a comparação dos resultados com aqueles obtidos a partir de uma parcela de referência que não possui a instalação fotovoltaica.

A Câmara de Agricultura local também avaliará a instalação agrovoltaica e o impacto de seu sistema de irrigação nos recursos hídricos. Para culturas não irrigadas, o ensaio terá como foco os efeitos de sombreamento gerados pelo dossel agrícola, abordando o estresse hídrico e a redução da evapotranspiração. No caso de culturas irrigadas, o ensaio explorará potenciais economias de irrigação facilitadas pelo sistema fotovoltaico e irrigação inteligente.

A usina fotovoltaica opera sob um PPA de 20 anos para fornecer eletricidade para as fábricas de uma empresa local, a bioMérieux.

 

Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não pode ser reutilizado. Se você deseja cooperar conosco e gostaria de reutilizar parte de nosso conteúdo, por favor entre em contato com: editors@pv-magazine.com.